Área do Cliente

Dicas para ajudar a reduzir a carga tributária da sua empresa

As empresas têm gastos muito altos com o pagamento de impostos no Brasil, são diversas modalidades de tributação: municipais, estaduais e federais. Taxas que incidem sobre as empresas e que geram um custo muito alto para todos. No entanto, é possível reduzir essa alta carga de impostos de forma legal, se a empresa tiver um bom planejamento contábil e contar com uma assessoria especializada. Não se trata de uma fórmula mágica, mas sim de conhecer a legislação e saber utilizá-la a seu favor. Veja algumas dicas:

1. Enquadramento jurídico
As empresas são classificadas a respeito do pagamento de impostos de acordo com as atividades que exercem e ao porte que elas possuem. É essencial que estejam dentro dos enquadramentos corretos para que as cargas tributárias sejam pagas adequadamente de acordo com as necessidades que ela apresenta. No Brasil, é possível enquadrar uma empresa no Simples Nacional, no Lucro Real ou no Lucro Presumido. Para fazer esta escolha de forma assertiva, é essencial que se possa contar com uma empresa da área contábil.

2. Benefícios fiscais
Para conhecer as opções de benefícios fiscais é importante analisar corretamente as legislações federal, estadual e municipal a fim de descobrir se existem possibilidades de enquadramento específico para a atividade que a empresa exerce. A adesão a esses benefícios, além de gerarem economia, oferecem a participação em programas que, geralmente, costumam incentivar ações voltadas à cultura, à educação ou à responsabilização e conscientização social. Além de abater impostos, a adesão de uma empresa a esses programas contribui para consolidar uma boa imagem do seu negócio perante a sociedade.

3. Terceirização
Terceirizar atividades como limpeza, segurança e outras atividades que não estão relacionadas com os processos essenciais do funcionamento da empresa, pode ser uma alternativa bastante econômica para o negócio. A opção pela terceirização deve ser bem analisada, para que a adesão a esse tipo de modalidade não prejudique a qualidade dos
serviços e o atendimento aos clientes.

4. Subdivisão de atividades
Quando a empresa possui mais de uma área de atuação ou mais de um tipo de serviço prestado é possível subdividir essas atividades em diversas modalidades para reduzir o impacto dos impostos. Ao adotar esse tipo de estratégia é possível realizar o enquadramento correto das ações da empresa e escolher de forma mais assertiva o regime tributário que melhor se adequa as finanças da empresa. Essa medida precisa ser analisada juntamente com o setor contábil e com a gestão empresarial para que a divisão não gere problemas legais futuros.

5. Planejamento tributário
O planejamento tributário em uma empresa é uma das etapas essenciais para a organização das finanças. O controle de fluxo de caixa e balanço financeiro precisam estar em dia para que seja possível visualizar um cenário realista e pensar em estratégias assertivas. O planejamento tributário deve ser feito com o apoio de profissionais que tenham conhecimento a legislação em vigor e que conheçam a fundo as particularidades da sua empresa.

6. Assessoria Contábil
Existem muitas opções e caminhos que podem ajudar a empresa a diminuir as taxas de pagamentos de impostos e que podem contribuir para o crescimento legal e sustentável. É preciso contar com profissionais responsáveis e especializados da área, que ofereçam soluções para o melhoramento do seu negócio. Reduzir a carga tributária é uma necessidade, mas precisa ser planejado e organizado da forma correta. A área contábil é essencial no planejamento de qualquer ação ou estratégia tomada pela gestão.

A Contplan tem mais de 25 anos de atuação e pode auxiliar na análise e planejamento para atingir a sustentabilidade financeira a partir da adequação dos tributos da sua empresa. Conte conosco: (51) 3333.3978 | comercial@contplan.com.br

Compartilhar este post

Receba as principais informações do segmento e todas as novidades da Contplan por e-mail.

Cadastre-se na nossa newsletter